Como sistemas IoT estão ajudando condomínios a evoluírem sua segurança

01/10/2020 Por mouraresende 0

A tecnologia IoT ou a Internet das Coisas, é a evolução da internet, onde o acesso não se dá apenas pelas pessoas, mas também pelas coisas. Ou seja, é a tecnologia que conecta tudo e todos. Com isso temos acesso e controle total de vários tipos de equipamentos pela internet.Essa tecnologia gera informações sobre o funcionamento das “coisas” e de todo ambiente ao seu redor. E essas informações podem ser coletadas e analisadas em tempo real, ou quase, por sistemas de gestão que ficam na nuvem, e que por sua vez possibilitam tomar ações com mais agilidade, assertividade e segurança.Mas como essa tecnologia pode auxiliar na gestão de condomínios?“Dentro de um condomínio a tecnologia IoT vem para somar e auxiliar na redução de gastos desnecessários, além de trazer mais segurança. Controle inteligente de iluminação, identificação de áreas de maior fluxo de pessoas e controle de entrada automatizado, são apenas alguns exemplos práticos da aplicação dessa tecnologia”, explica Alan Barbosa, Diretor de Tecnologia da Homety, portaria remota do Grupo Pro Security.Confira como a Homety está utilizando a tecnologia IoT para auxiliar os condomínios a evoluírem sua segurança sem aumentar os custos:Manutenção proativa efetivaDiariamente os condomínios geram centenas de dados, estejam eles sendo capturados e armazenados ou não. Com o sistema inteligente IoT e os sistemas prediais conectados, todos esses dados poderão ser aproveitados para prever as necessidades de manutenção e fornecer detecção precoce de problemas.Por exemplo: Com um pequeno sensor instalado no sistema de encanamentos, um pequeno vazamento, que poderia passar despercebido durante semanas, pode ser identificado com rapidez, evitando assim o desperdício de água.Segurança automatizadaA segurança é a prioridade dentro de um condomínio e a tecnologia IoT torna esse monitoramento e ação mais fácil e eficaz.Os sistemas de segurança inteligentes sempre estão em plena evolução e os sistemas de segurança inteligentes monitoram constantemente.Os síndicos não precisam mais se preocupar em configurar uma infraestrutura de TI complexa para executar seu sistema de segurança. Os sistemas de segurança com IoT são completamente baseados na nuvem, facilitando o acesso de onde de qualquer lugar. As câmeras e os sensores de segurança levam apenas alguns minutos para instalar e conectar-se à rede de edifícios inteligentes.Conectividade totalCom a tecnologia IoT tudo está conectado e as informações são distribuídas com muito mais efetividade, não apenas entre a administração do condomínio, mas também entre os próprios condôminos.Nos condomínios inteligentes parceiros da Homety, os moradores também possuem maior controle de tudo o que acontece, permitindo recolher dados de todo o edifício, não apenas unidades individuais, dando-lhes insumos para tomar melhores decisões operacionais para uma gestão do condomínio de forma mais eficiente, eficaz e respeitando a privacidade dos moradores.Utilizando dados de construçãoA tecnologia IoT fornece informações sobre o desempenho do condomínio como um todo. Além das necessidades de manutenção, os síndicos podem utilizar os dados da construção de várias maneiras:Identificar os níveis de ocupação das áreas comuns: Com os sensores de ocupação é possível que os síndicos rastreiem o tráfego de pedestres em todas as áreas. Isso é valioso para entender como os moradores usam espaços comuns do condomínio.Criar regras automatizadas para uso de energia: A tecnologia IoT auxilia na redução de gastos com energia elétrica dentro do condomínio. Sensores inteligentes podem acionar regras automatizadas, otimizando o uso de energia e evitando desperdício. Por exemplo: Quando a academia está ocupada em um dia quente, os dados de ocupação e a temperatura acionam o ar condicionado automaticamente. Já em outro dia, quando a academia está vazia, os sistemas inteligentes diminuem as luzes e desligam o ar condicionado para economizar energia.Controle remoto de sistemas: Juntamente com as regras automatizadas, a administração tem controle remoto sobre os sistemas climáticos e de iluminação em todo o condomínio. Em unidades vagas, por exemplo, os síndicos podem definir a iluminação imediatamente antes da exibição e garantir que tudo seja desligado após o uso.